domingo, 18 de março de 2007

Posto de Vigia (Gardunha) / Antenas Castelo Novo



Hoje veio o Figueira ter comigo ao Fundão e seguimos, já um bocadinho tarde (e que bem nos fez falta mais uma horinha de sol) até ao posto de vigia da Gardunha acima de Alcongosta. É uma subida que demora um bocado a fazer, sempre a subir sem descanso (alguns sabem do que falo).







Eu, o
Figueira e elas, todos no descanso








Lá chegados, foi hora de vestir o corta-vento, é que o v
ento frio já se fazia sentir. Decidimos então sair do posto de vigia em direcção às antenas de Castelo Novo, passando pela casa do Guarda.







Eu e o Figueira durante a descida para a casa do guarda

A descida até à casa do Guarda demorou muito tempo, tal está aquele caminho cheio de calhaus e regos enormes, tempo esse que fez falta para a subida até às antenas. A dita subida até às antenas, foi muito dura. Já não passava para aqueles lados há muito tempo e nunca de bicicleta e então não me dei conta de que era uma subida muito longa e íngreme e já seguimos com muito pouco tempo de sol. Quando atingimos o topo junto das antenas, tínhamos o sol a desaparecer e eu a ficar algo preocupado, pois nenhum de nós tinha luzes. Foi combinar que a partir dali era a dar o máximo e lá seguimos por caminhos em muito mau estado para ajudar à festa. Passamos pelo Carvalhal já com a pouca claridade a desaparecer e sempre a pensar que tínhamos que ir mais rápido. A parte mais complicada, foi ao descer para o Fundão pelo meio do pinhal. Se não havia luz, ali, no meio das árvores, ainda pior. Lá seguimos quase às cegas até vermos as luzes do Fundão e aí sim, deu para descansar e até se tirou uma foto para mais tarde recordar. Mas pelo menos uma coisa deu para aprender. Há que fazer sempre bem os cálculos de tempo de luz natural, quando não se tem da artificial.




Distância percorrida: 36.14km
Tempo rolamento: 3:31:42

Velocidade média: 10.24km/h

Velocidade máxima: 43.0km/h

3 comentários:

Tiaguss disse...

Estou a gostar, sim senhor!!! Continua a pedalar assim, seu maliuco. :)

Abraços
Tiago Lages

PS: Acho essas pedras da descida para a casa do Guarda não são estranhas as minhas costas .... :|

Filipe disse...

Eu gostava era de saber quem foi o gajo que teve a ideia de ir do posto de vigia às antenas de Castelo Novo, gostava, gostava! :)

Luis Afonso disse...

Pois é Tiago, essa descida mais parece uma prova de trial :)
E Filipe, se eu souber quem é esse gajo, digo-te :D

Abraços