domingo, 11 de março de 2007

Trilhos da Açafa II (Vila Velha de Ródão)


O meu dorsal


Levantar cedo? Já começa e ser um hábito!
Combinei com o Cerezo para passar por minha casa às 06.50 e pontual que ele é, cá estava à hora combinada. Foi carregar a Scott e a tralha toda e passámos a buscar o André para de seguida nos encontrarmos com o Adriano e o Simão e nos fazermos à estrada com destino a Vila Velha de Ródão.
Ao chegar, encontrámo-nos com o Mané e o Sérgio e um pouco mais tarde apareceram o Tiago e o David.








Depois de darmos entrada no
secretariado, foi só fazer um pouco de tempo para o pessoal se juntar e lá começou o aquecimento até aos Bombeiros de onde começava o passeio propriamente dito.




Começou
-se a rolar a bom ritmo com umas quantas travessias de ribeiras e ao chegar à separação dos 30km dos 68km, deparámos com uns membros da organização a colocar as placas indicativas. Resultado: enganos e um deles foi o Lino do Paúl que apanhámos uns 5km mais à frente a voltar para trás, para seguir para os 30km.











A comer umas barritas antes
do primeiro reabastecimento.









Seguimos então até ao primeiro reabastecimento e bonito era, quando passávamos pelas localidades, a população a incentivar e a bater palmas, quase nos sentíamos na volta a Portugal em bicicleta.
Chegados ao primeiro reabastecimento, encontrámos uma mesinha muito bem composta com fruta, bolos, sumos e água, muito bom!
O Tiago e o Adriano estavam mesmo a acabar de dar ao dente e seguiram, para pouco depois seguir eu e o André. O resto do pessoal andava lá mais para trás.
Passado um bom bocado lá conseguimos apanhar os dois da frente, mas foi sol de pouca dura. Quando começou a coisa a doer, eles foram embora e só os voltámos a encontrar no segundo reabastecimento que tal como o primeiro, estava muito bem recheado.





Eu e o André notámos que já íamos um bocado desgastados, mas não íamos desistir ali e então seguimos, mais valia chegar tarde que não fazer o percurso total.
Mas a partir daqui é que foi a doer. As pernas começaram a resmungar, mas lá fomos pedalando e valeu a pena, pois deu para ver umas lindas paisagens.




E que belas paisagens







Chegámos a um ponto em que parecia que as subidas nunca mais acabavam e que Vila Velha nunca mais aparecia, mas, passado uns km´s, o nariz começou a dar sinal (o belo do cheiro da celulose) e as forças apareceram um bocadinho para subir o ultimo troço
para depois ser sempre a descer durante um bom bocado até Vila Velha.
Fomos até ao local de início onde estavam os carros e o resto do pessoal, foi arrumar a trouxa, tomar um banhinho com água bem quentinha (parece que fomos sortudos, porque algum pessoal tomou de água fria) e seguimos para o almoço que nos esperava nos Bombeiros.
Parabéns para a organização, que nos brindou com um óptimo passeio, pelas belas terras de Vila Velha de Ródão e que deixou a vontade de lá voltar no próximo ano.




Que belo poster dava esta foto!
(Portou-se lindamente a Scott)







Cerezo; David; Sérgio; Mané; Eu; Simão; Tiago; André e Adriano


Distância percorrida – 72.92 km
Velocidade Média – 13.63 km/h
Velocidade Máxima – 57.9 km/h
Tempo de rolamento – 5:21:02

3 comentários:

Tiaguss disse...

Tas lá miudo!
Os próximos 70 já vão custar menos. :)

Figueira disse...

Pfffft... ninguém dava nada por ele e agora já faz 70km ;) Tá bem, sim senhor!

Luis Afonso disse...

Espero bem que custem menos Tiago, aquilo já tava a chegar ao limite ;) Agora vem o treino para os 100km de Castelo Branco.
E Figueira, tens que começar a fazer estas esticadas! Qualquer dia tamos os dois a pedalar que é uma coisa parva ;)